“Embora a seca seque  fontes e  rios

E os campos fiquem esturricados,
E o gado morra de sede e fome,
E as queimadas devorem os pastos
E os machados transformem florestas verdes em desertos áridos,
E os palácios estejam cheios de corruptos –
A despeito disso minha alegria continuará a florir
E farei poemas diante do Deus da minha salvação.”

(Habacuque 3:17-18. Paráfrase).

Olá queridões e queridonas!

Desta vez começo meu texto com um breve poeminha que encontrei por aí. Não sou muito fã de citações ou cópias – mas, pensando bem, o que são as nossas convicções senão um mosaico do que lemos, aprendemos e ouvimos? Parece que estamos sempre parafraseando alguma coisa, dizendo as mesmas coisas com outras palavras. Até nossas ações são uma forma de paráfrase. Veja, por exemplo, que quando fazemos o bem estamos apenas fazendo uma tradução livre do Deus Vivo. Não há nada novo debaixo do sol. É…acho que estou com início do que eu chamo de ´”síndrome de Eclesiastes”… Não liga pra mim, não; e vamos em frente….ehheeh

Após essa breve reflexão – de retórica pobre, é verdade – o que eu gostaria mesmo é comentar sobre o poeminha acima. Quando nos cumprimentam dizendo: olá, tudo bem?  Normalmente respondemos: tudo bem, graças a Deus. Quem me conhece sabe a resposta que dou quando me cumprimentam e me perguntam se está tudo bem. Como sou espirituoso, normalmente respondo: TUDO bem só no céu.

A resposta comum que ouvimos é “tudo bem graças a Deus”. Mas, e se não estivesse tudo bem seria graças a quem? Bem, eu nunca vi alguém dizer “vou mal, graças a Deus”. Já pensou nisso?

Tentar falar sobre o mal e a sua consequência – que é o sofrimento – é sempre algo complicado. Então só convido você a pensar e meditar comigo no seguinte: é fácil cantar, escrever poesias, estar alegre, feliz, bendizer a Deus enquanto as coisas estão relativamente bem. Mas, quando as coisas não saírem do jeito que planejamos, que possamos orar como Habacuque e ter fé para agir como tal.

Fiquem na paz!  @edukokinho

Categorias: Reflexões

Comente pelo Facebook »