Foi comentado sobre o homem ser imagem de Deus. Mas qual a imagem que você tem de Deus? Um velhinho que está lá em cima, longe, no céu, somente apontando o dedo e julgando todos os seus atos? Um marionete que faz tudo o que você quer? Um “ser superior” inalcançável? Ou você não crê em Deus e sim em apenas uma “força motriz” geradora do cosmos?

Muitas vezes, as imagens que projetamos ser Deus, são errôneas. Outras vezes, nem conseguimos imaginá-lo, pois achamos que estamos tão distantes dEle que acabamos caindo no desânimo e, nesta ocasião, é muito mais cômodo fazer uso de uma imagem já pronta. A problemática aqui é a de que, as imagens feitas por homens em relação a Deus podem ser as citadas no primeiro parágrafo (um velhinho, um marionete, um ser superior ou somente uma força motriz), não definem a real imagem dEle.

Ao procurar uma imagem de Deus devemos ir direto na fonte: a Bíblia. Os nomes de Deus na Bíblia têm a finalidade de revelar-nos o caráter e os atributos do próprio Deus. Cada nome divino revela-nos como Deus deseja ser conhecido por nós. Deus se revela como Elohim, que significa etimologicamente “força, poder” e faz referência a Deus como criador e a Deus como acima de todos os outros; Javé que é “Eu Sou”, “sempre serei, o “Auto existente”; e Adonai que se refere ao Senhorio de Deus: Deus Senhor, Deus Soberano. Ele se revela com mais de 25 nomes na Bíblia e ainda existem pessoas que procuram saber quem Ele é buscando a resposta em homens.

            Conheço uma moça nascida em um lar cristão que frequentava a igreja, orava, tinha um relacionamento com Deus, mas, ao procurar a imagem dEle, deixou-se influenciar por ideais ateístas: onde Deus “não existe” e sim apenas uma força motriz geradora do cosmos. Hoje ela se declara atéia. Isso é triste.

Não diga que a “imagem de Deus não está disponível”. Busque, incessantemente, conhecê-Lo que Ele se revelará à você: “Então vocês clamarão a mim, virão orar a mim, e eu os ouvirei. Vocês me procurarão e me acharão quando me procurarem de todo o coração. Eu me deixarei ser encontrado por vocês.” (Jeremias 29:12-14). Você é quem escolhe.

Maitê Beatriz Brueckheimer @memaite

Categorias: Reflexões

Comente pelo Facebook »